Categorias
Notícias

Seis caças da Força Aérea sobrevoam Aguaí

Seis caças da Força Aérea Brasileira sobrevoaram por duas vezes a cidade de Aguaí, na manhã desta sexta-feira, dia 31, chamando a atenção das pessoas, em função do forte barulho das turbinas.

No primeiro sobrevoo, a altura foi mais baixa, com uma curva bem em cima da cidade, que causou um barulho bem maior que o segundo sobrevoo, que se deu um pouco mais alto e afastado do centro da cidade.

Confira no vídeo a segunda passagem dos aviões em cima da cidade.

 

http://youtu.be/TGbsw8MkgE0

 

 

Categorias
Notícias

Sebrae Móvel estará em Aguaí em novembro

O Sebrae Móvel, veículo totalmente equipado para levar aos empresários parte da estrutura de atendimento dos escritórios regionais do Sebrae-SP, estará em Aguaí do dia 11 ao dia 14 de novembro.

A van customizada é um escritório itinerante que conta com ar-condicionado,  computadores, acesso à internet sem fio e materiais impressos. A orientação aos empreendedores é feita por meio de palestras e atendimentos individuais gratuitos. A unidade possui dois técnicos para orientar o público sobre temas que vão desde o  planejamento do negócio,  como organizar o fluxo de caixa e até formas de divulgação da empresa.

Os interessados também poderão obter mais esclarecimentos sobre o Empreendedor Individual (EI), em que trabalhadores que atuam por conta própria como cabeleireiros, barbeiros, artesãos, eletricistas, costureiras, chaveiros etc, consigam chegar à formalização. Esse processo dá ao empreendedor benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença e aposentadoria.

Na segunda-feira (11), o atendimento será das 11h às 17h. De terça à quinta-feira, os atendimentos serão das 10h às 17h.

Para alavancar o desenvolvimento empresarial no município, o Sebrae SP leva também para Aguaí a palestra Planejamento: “O primeiro passo para começar seu negócio”. O tema será abordado no dia 13 de novembro, a partir das 19h na Associação Comercial de Aguaí. As inscrições e agendamentos individuais podem ser feitos na própria ACE-Aguaí, localizada na  Rua XV de Novembro, 853 (ao lado da Destak Magazine).

Mais informações podem ser obtidas nos telefones 3652-2141 ou 0800 570 0800. A Prefeitura Municipal e Associação Comercial de Aguaí apoiam as iniciativas.

 

Categorias
Notícias

Índice de correção do aluguel sobe com menos intensidade

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) teve alta de 0,86% em outubro. A variação ficou abaixo da apurada em setembro último (1,5%) e bem acima da ocorrida no mesmo mês do ano passado (0,02%). Desde janeiro, a taxa acumula elevação de 4,58% e, em 12 meses, de 5,27%. O último índice é o que serve de base de cálculo para a correção do valor do aluguel.

O levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas mostra decréscimo em dois dos três componentes do índice. No segmento atacadista medido pelo Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), a taxa passou de 2,11%, em setembro, para 1,09%. Entre os grupos que influenciaram essa queda na intensidade de alta estão commodities como a soja (em grão), que tinha subido 10,78% na última apuração e, em outubro, passou para 0,60%.

Nesse mesmo grupo, tiveram ainda redução na velocidade de aumento as aves (de 10,81% para 3,27%) e o leitein natura (de 3,81% para 0,90%). Em movimento oposto, o minério de ferro subiu 6,81% ante 3,53%; os bovinos (de 0,93% para 3,80%) e  a mandioca (de -3,43% para -0,11%).

No setor varejista, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) indicou elevação de 0,43%, acima do índice de setembro (0,27%), e foi provocado, principalmente, pelos alimentos, com avanço de 0,63% ante 0,14%.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) perdeu força, com taxa de 0,33% ante 0,43%. Os materiais, equipamentos e serviços subiram 0,68% ante 0,91% e o valor pago pela mão de obra permaneceu estável pela segunda vez consecutiva. (agência Brasil)

Categorias
Notícias

Ministério Público move ação contra ex-prefeito Gutemberg e vereador Pozzer

Ministério Público de Aguaí moveu uma ação civil por prática de improbidade administrativa contra o ex-prefeito Gutemberg de Oliveira, pela contratação do escritório de advocacia Bernardo Vidal & Associados. Figura ainda como requerido na ação, além do prefeito, o vereador Valdir Pozzer, que era diretor administrativo à época da contratação. A promotoria pediu o ressarcimento de R$ 225.101,68 que, conforme consta no relatório final de uma CEI da Câmara, foi o valor pago antecipadamente ao escritório. Sobre esse valor ainda pode acrescido multa caso seja confirmada a prática da desonestidade pela qual são acusados. Em fevereiro de 2012 o Correio de Aguaí mostrou, com exclusividade, que o caso envolvendo a questão do não recolhimento do INSS dos funcionários da prefeitura poderia gerar graves prejuízos, pois, o escritório Bernardo Vidal & Associados contratado pelo então prefeito Gutemberg era investigado em várias cidades e estados, acusado de fraude.

CEI

A Câmara abriu uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para a apuração de irregularidades na contratação promovida pelo ex-prefeito. A CEI concluiu que pode ter ocorrido no caso os crimes de falsidade ideológica e documental, formação de quadrilha ou bando e corrupção ativa e passiva, uma vez que vários servidores foram envolvidos e que houve durante a investigação até mesmo sumiço de pareceres da licitação. O Parecer da Câmara Municipal foi encaminhado para o Ministério Público Federal e Estadual, Polícia Civil e Polícia Federal e ao Tribunal de Contas para as medidas cabíveis.

A LICITAÇÃO

A licitação para a contratação do escritório foi controversa. O processo de licitação só “apareceu” com intervenção da Justiça, após decisão liminar para que uma cópia do processo fosse entrega à Câmara para investigação. Contou ainda com sumiço de pareceres e até mesmo BO na polícia. A contratação gerou uma Comissão Especial de Inquérito da Câmara de Aguaí. No relatório final da CEI, que foi encaminhado ao MP, consta que “o esquema do escritório consiste em orientar as prefeituras no sentido de que as mesmas teriam um suposto crédito decorrente de contribuições previdenciárias pagas em épocas anteriores. Embora a Receita Federal não reconheça esse crédito das prefeituras os gestores passaram a descontar na própria GEFIP uma porcentagem das contribuições a serem recolhidas ao INSS, o “dinheiro perdido” o que poderá prejudicar futuramente a aposentadoria dos servidores municipais. O esquema é considerado fraudulento pelo INSS e já vem sendo investigado pela Receita Federal desde setembro de 2010 em diversos Estados como Paraíba e Pernambuco devendo se estender para os outros onde a Bernardo Vidal Consultoria vem atuando como Tocantins, Ceará, São Paulo, Rio Grande do Norte, Bahia e Rio Grande do Sul. Segundo alguns contabilistas esses recursos descontados pela Prefeitura deverão ser cobrados pela Receita Federal e INSS com um reajuste de 150 % (cento e cinquenta por cento) comprometendo assim futuras administrações e possíveis aposentadorias dos funcionários públicos municipais”, apontou o relatório da CEI.

CND

Já em fevereiro deste ano, a prefeitura divulgou que foi notificada de que o ex-Prefeito Gutemberg deixou de recolher R$4,8 milhões em INSS, e além disso, foi multada em R$ 3,6 milhões. O total de R$ 4,8 milhões que deixaram de ser recolhidos são referentes aos meses de maio, junho, agosto, setembro, outubro e dezembro de 2011, e abril, maio e setembro de 2012. O total da dívida gerada é de mais de R$ 8 milhões de reais.

Categorias
Notícias

Médico que dirigia Camaro em acidente tem prisão decretada

O médico Leonardo Reno Romano, que dirigia o Camaro que bateu na traseira de um Gol e matou duas pessoas de Aguaí teve a prisão temporária por 30 dias decretada pela Justiça de Aguaí, a pedido da polícia civil e a partir disso, é considerado foragido da polícia.

O delegado seccional Sebastião Mayriques declarou que os fatos indicam que ele dirigia em alta velocidade e alcoolizado. No carro dele havia duas latas de cerveja e testemunhas relataram um forte cheiro de álcool após o acidente.

O delegado também afirmou em entrevista à EPTV que a Polícia Civil também vai instaurar um novo inquérito para saber o motivo do prontuário de atendimento estar em branco, depois que o médico passou pela Santa Casa de São João da Boa Vista após o acidente. “Ele foi apresentado no hospital, ingressou na sala de atendimento médico, mas, a partir daí, não se teve mais notícias de seu paradeiro. Nós descobrimos que a ficha de atendimento estava em branco, o que significa que ele não teve atendimento e alguém, que será identificado, prestou auxilio para ele fugir da ação da polícia”, afirmou o médico à TV.

A assessoria de imprensa da Santa Casa de São João informou que o médico está afastado do serviço e que ele apenas fazia plantões na instituição, e não fazia parte do corpo clínico.

À EPTV a assessoria alegou ainda que em relação ao prontuário do médico estar vazio, que o médico não deu entrada no hospital após o acidente e que o prontuário está em branco porque os funcionários imaginaram que ele seria levado para o local.

 

O acidente

O acidente aconteceu na SP-344, que liga Aguaí a São João da Boa Vista, e fez duas vítimas fatais e uma grave, na manhã do sábado, dia 12, por volta das 6 horas.

Pouco antes da subestação da Elektro, em sentido Aguaí/São João, o veículo Camaro, dirigido pelo médico Leonardo Reno Romano, de 30 anos, que já trabalhou como plantonista em Aguaí, e segundo informações seguia a cerca de 200 km/h, bateu na traseira de um Gol, onde estavam Edson dos Santos Marreiro Viana, de 34 anos, que é motorista da prefeitura de Aguaí, e dirigia o carro, e Ricardo Felipe Salvi, chapeiro em um bar da cidade, de 20 anos, e a garçonete Ana Daiane Anversa, de 24 anos.

O motorista Edson foi internado em São João da Boa Vista, com fraturas, mas sem risco de morte. Já Ana Daiane faleceu no local do acidente. Ricardo foi levado ao Pronto Socorro, mas também não resistiu aos ferimentos.

 

Vídeo

Um vídeo, feito logo após o acidente, e mostra o investigado Leonardo Reno Romano saindo do carro e indo até o outro carro envolvido no acidente está em mãos da polícia civil para auxiliar nas investigações.

site 5

Categorias
Notícias

“Ponte Branca” recebe placas com nome de homenageado

A conhecida Ponte Branca recebeu há poucos dias as placas indicativas de sua nova denominação oficial. O viaduto passa a homenagear o saudoso ex-vereador Argemiro Custódio Alexandre.

Categorias
Notícias

Novos equipamentos de Saúde começam a ser entregues

Novos equipamentos de diagnóstico comprados pela atual administração municipal para o departamento de saúde começaram a ser entregues.
Foram comprados um aparelho de raio X, um aparelho de raio X móvel, um digitalizador de imagem e uma autoclave para esterilização de instrumentos.
O valor total do investimento é de 336 mil. Conforme informado pela prefeitura, esses equipamentos vão dinamizar o diagnóstico de doenças no Departamento de Saúde, agilizando a realização de exames e radiografias, e consequentemente diminuir consideravelmente ou até mesmo acabar com a fila de espera.
Os equipamentos são de última geração, e com imagens em 3 D, o que facilita o trabalho médico dando uma maior precisão no diagnóstico.
Segundo o Diretor Clínico do Pronto Socorro Dr. Gustavo Lopes, esses equipamentos serão de extrema importância e deverão estar todos entregues e instalados em poucos dias. “Sabemos que temos muito para melhorar na área da saúde, porém, estamos fazendo a nossa parte e melhorando cada dia mais”, declarou o médico.
A prefeitura informou ainda que a diretora Municipal de Saúde, Enfermeira Magda Pereira de Paula Sanchez tem trabalhado com muita dedicação para melhorar o atendimento no setor e que em breve a população já deverá sentir a diferença, em função das novas metas de trabalho implantadas no departamento.

Categorias
Notícias

Gás natural para Unilever e Ibéria está sendo instalado

A empresa que faz o trecho aguaiano do serviço de instalação do gasoduto da Comgás, que está sendo ampliado entre Mogi Guaçu e São João da Boa Vista, passando por Aguaí, está realizando há poucos dias a instalação dos dutos que vão abastecer as empresas Unilever e Ibéria.
O serviço é feito ao longo da rodovia SP 225, e chama a atenção pelo tipo de duto usado para o abastecimento das empresas clientes da Comgás, que a partir do ramal são de polietileno.
O gasoduto que passa a atravessar o município aguaiano e conhecido como gasoduto Brasil-Bolívia em sua extensão é em metal e é uma via de transporte de gás natural entre a Bolívia e o Brasil com 3.150 quilômetros de extensão, sendo mais 2.600 em território brasileiro (trecho administrado pela TBG) e cerca de 557 km em território boliviano (trecho administrado pela GTB).
A construção, funcionamento e comércio do gás é regido pelo acordo Tratado de La Paz redigido em 1996. O gasoduto começou a ser construído em 1997, iniciando sua operação em 1999. O gasoduto tem seu início na cidade boliviana de Santa Cruz de la Sierra e seu fim na cidade gaúcha de Canoas, atravessando também os estados de Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul.

Categorias
Notícias

Prefeitura renova a frota da Educação

A prefeitura municipal realizou um pregão para a compra de 30 micro ônibus de 28 lugares, para a renovação da frota da Educação.
A licitação foi realizada no dia 17 de outubro e contou com representantes da Mercedes Benz, Volkswagen, Marcopolo, Agrale e Maxibus.
A vencedora para fornecer os novos ônibus que integrarão a frota municipal é a Volkswagen, com o valor de R$179 mil por unidade.
Conforme informou a prefeitura, a última aquisição de veículos para o Departamento de Educação havia sido feito na última gestão do atual prefeito Sebastião Biazzo no ano de 2008. “De lá para cá nenhum investimento foi feito no setor, sendo gastos valores vultosos em peças de reposição e consertos de veículos estragados. Além disso, na gestão passada, com tantas oficinas mecânicas na cidade de Aguaí e região, uma empresa da cidade de São Paulo foi contratada para fazer o conserto e manutenção dos veículos municipais”, declarou o prefeito.
Com a compra, em 10 meses de governo a atual administração praticamente renova toda a frota do setor, um investimento de cerca de R$ 5,4 milhões.
A prefeitura informou ainda que o dinheiro investido é “verba casada”, e só pode ser investido em Educação, não podendo ser utilizado por exemplo em Saúde, Esportes, Infra-Estrutura ou qualquer outro departamento.

Categorias
Notícias

Autódromo em Mogi Guaçu recebe homologação da FIA

O autódromo Velo Città, localizado em Mogi Guaçu, recebeu, esta semana, a homologação da FIA – Federação Internacional do Automobilismo. O local, que foi construído dentro dos padrões da organização e já era homologado pela CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo), agora é um autódromo internacional.
“É como recebermos um ISO. O que fizemos foi bem feito, tem padrão internacional e pode receber qualquer tipo de GT’s, Turismo e até Fórmulas 3. Esta homologação é como um troféu”, celebra Eduardo Souza Ramos, idealizador do projeto do Velo Città.
Com 3.430 metros de extensão, o circuito Velo Città levou cinco anos para ser construído.

Há pouco mais de um ano, o local teve sua homologação assinada pela CBA. Depois, o projeto e as plantas foram remetidos à FIA. O material passou por uma avaliação computadorizada que verificou os itens básicos. Com a validação do sistema, o Velo Città recebeu a visita de um inspetor, que o atestou apto. No total, apenas três autódromos no Brasil possuem homologação internacional: Velo Città, Interlagos e Curitiba.

Para conseguir a aprovação, o autódromo deve atender a uma série de requisitos, basicamente focados em segurança. São analisados: largura do circuito, das rampas, tipo do asfalto (feito com borracha de pneus triturados, tornando-o mais ecológico), áreas de escape, guard rails, barreiras de pneus, zebras, muro dos boxes e alambrados de proteção, plataforma de sinalização, sistema de drenagem, quantidade de pontos de sinalização, além do Medical Center e Racing Control.
Com foco em competições e eventos fechados como track days, test-drives, coletivas de imprensa e cursos de pilotagem, o autódromo tem a Mitsubishi como patrocinadora oficial e foi palco da Lancer Cup, competição exclusiva de Lancer Evo R, lançamento do Mitsubishi All New Outlander, Mitsubishi Racing School e Lancer Evo Day. Também recebeu os eventos: 1000 Milhas Históricas Brasileiras, Classic Cup, Porsche Cup, Suzuki Jimny, Bentley Continental GT V8, entre vários outros.

DEPOIMENTOS
“Great track!”, Valentino Rossi, piloto de Moto GP.
“Fiquei impressionado com o que conheci. Acho que depois de Nurburgring esta foi a pista mais fantástica que andei”, Nelson Piquet, tricampeão mundial de Fórmula 1.
“O Velo Città é, com certeza, o melhor autódromo do Brasil no momento, em termos de traçado, manutenção e beleza. Conheço muitos autódromos pelo mundo, mas nenhum tão bonito, bem tratado e com um traçado tão técnico como este. O piloto tem que saber posicionar o carro muito bem para conseguir tempos de voltas ideais”, Ingo Hoffmann, Piloto e instrutor Mitsubishi.
“O Velo Città é do tamanho ideal, é uma pista muito técnica, com poucas retas, ela acaba se tornando superfísica porque os pilotos não param de fazer curvas, então é bem desafiadora”, Bia Figueiredo, piloto da Indy.
“Absolutamente primoroso, um verdadeiro autódromo, sem tirar nem pôr. Tudo magistralmente bem feito. A pista toda é extremamente técnica e quem pegar a mão nela andará em qualquer outra. Parabéns à Mitsubishi e a quem a projetou”, Bob Sharp, jornalista e ex-piloto.
“Nunca tivemos dúvida de que o Velo Città receberia a homologação da FIA. Os proprietários e gestores fizeram tudo com muita competência para ter um autódromo de alto nível. É muito bom saber que temos mais uma opção de autódromo homologado FIA no País. Nossa categoria é reconhecida como série internacional pela FIA e como tal só realiza corridas do campeonato em circuitos homologados pela entidade”, Dener Pires, diretor do Porsche GT3 Brasil.